Drenagem Linfática

DRENAGEM LINFÁTICA MANUAL

 A Drenagem linfática manual (DML), é uma técnica atualmente utilizada no tratamento de inúmeras doenças, uma vez que age principalmente sobre o sistema linfático importante componente do sistema imunológico que através da linfa protege nosso organismo contra bactérias e vírus.

O sistema linfático possui três funções, remove fluidos em excesso dos tecidos corporais; absorve ácidos graxos e os transporta para o sistema circulatório e produz células imunes.

Tratamentos realizados com DML auxiliam no aumento do transporte da linfa que como resultado melhora a vascularização além de proporcionar uma maior resistência imunológica ao organismo.

 A técnica de massagem consiste em massagear o corpo manualmente atuando no local certo de forma e com ritmo estrategicamente exatos. Estas massagens rítmicas ativam a circulação sanguínea eliminando as toxinas e nutrindo os tecidos em geral. Consequentemente a pele fica mais viçosa, há uma melhora nas cólicas menstruais, diminui o estresse e as tensões, ocorre uma redução na gordura localizada entre outras coisas. A drenagem linfática não emagrece, mas em relação à estética ela ajuda a melhorar o aspecto da celulite e reduz a gordura localizada. Também é muito recomendado às gestantes, pois ajuda a relaxar e aliviar inchaços típicos da gravidez.

 

Para quaisquer cirurgias plásticas nos mais diversos graus é comum ocorrerem edemas, hematomas, fibroses, aderências e outras reações incômodas ao corpo. A drenagem linfática é indispensável em casos de lipoaspiração e abdominoplastia, já que, como mencionado, é importante que a técnica ative a circulação. Também é indicado em casos de mamoplastia, hidrolipoaspiração, Lifting, blefaroplastia, rinoplastia, ritidoplastia (lifting facial), mastectomia total ou parcial e cirurgias de prótese de silicone.

Após uma cirurgia, os canais linfáticos também são danificados, assim como outras estruturas adjacentes e se recompõem muito lentamente.

 

Conforme Soares et al (2005), afirmam que os sintomas do pós-operatório de cirurgias plásticas podem ser reduzidos através de atendimentos de fisioterapia, utilizando a drenagem linfática manual.  Os autores ainda alegam que nesse período, observa-se rapidamente a diminuição do inchaço (edema) e do hematoma como a redução da dor, favorecimento da neoformação vascular e nervosa e além de prevenir e minimizar a formação de cicatrizes hipertróficas ou hipotróficas, retrações e quelóides.

 

Quanto mais cedo realizar a drenagem linfática manual após cirurgias plásticas melhor o resultado final e menor será a formação de fibroses pós-operatórias. Após 48 horas da cirurgia, porém cabe ao cirurgião plástico ou fisioterapeuta especialista em dermato-funcional, definir qual o melhor momento para o paciente iniciar o tratamento.

Os procedimentos com Radiofrequência ou com Cavitação são recomendados na fase modeladora quando já houver indícios de fibroses e aderências.

Nas cirurgias com incisões amplas existe uma interrupção dos vasos linfáticos superficiais prejudicando a drenagem convencional. Deve-se proceder a drenagem linfática “reversa”, que consiste em executar as manobras de drenagem para as vias íntegras.

A quantidade de sessões pode variar de acordo com cada metabolismo, mas geralmente inicia-se com dez sessões e finaliza-se o tratamento assim que a paciente esteja totalmente recuperada dos edemas e hematomas.

Portanto, os benefícios pós-cirurgias plásticas são:

    • Diminuição de hematomas e edemas nas regiões à cirurgia;
    • Descongestionamento dos vasos e tecidos;
    • Alívio das dores recorrentes à cirurgia;
    • Redução de fibroses e aderências;
    • Melhora cicatricial cirúrgica pelo aumento da vascularização arterial e venosa;
    • Previne complicações comuns;
    • Retorno rápido da sensibilidade normal no local da cirurgia;
    • Bem estar global corporal e mental. São contra-indicação para Drenagem Linfática ManualPessoas com histórico de trombose venosa, câncer, cirurgia de fraturas de grandes ossos, pessoas em processos infecciosos. Quando houver alguma dúvida ou na existência de doenças ou outras situações recomenda-se avaliação médica prévia.

São contra-indicação para Drenagem Linfática Manual:

Pessoas com histórico de trombose venosa, câncer, cirurgia de fraturas de grandes ossos, pessoas em processos infecciosos. Quando houver alguma dúvida ou na existência de doenças ou outras situações recomenda-se avaliação médica prévia.
 

 

Compartilhe com seus amigos

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on pinterest
Pinterest